Saltar para conteudo
Visitar TBA
Anterior

Xavier de Sousa em discurso direto sobre “Pós-“

Vídeo

Quem somos “nós”, hoje? Esta é a pergunta no centro do novo espetáculo de Xavier de Sousa. De Montemor-o-Velho a Londres, após 16 anos noutro país brutalmente construído à custa do colonialismo e imperialismo, Xavier representa uma comunidade pouco visível: os imigrantes que vivem entre línguas diferentes e olham para Portugal de fora para dentro.

Entre fado, caldo verde e chouriço, em Pós- o espectador é o convidado e na ementa serve-se uma história e cultura construídas ao longo de 600 anos de colonialismo. A narrativa faz-se à mesa numa partilha e diálogo coletivo sobre o racismo, a construção do nacionalismo português, a identidade do imigrante e a permanência das heranças coloniais. Agora que estamos fisicamente distantes, esta reunião pode servir para refletirmos sobre o passado e celebrar um possível futuro coletivo.

A prática de Xavier de Sousa explora a sua herança pessoal e política no contexto do discurso dominante sobre identidade nacional, nacionalismo e migração. Faz curadoria do programa de performance New Queers on the Block e a série de entrevistas e eventos performingbordersLIVE. A solo, criou POST, Almost Xav, REGNANT e TIME/COLONIA. Colaborou com Tino Sehgal, Tim Etchells, Lauren Barri Holstein, Richard DeDomenici, Rosana Cade e Needless Alley Collective.

22 a 26 setembro
vídeo: Sara Morais e Pedro Gancho
imagens originais: Ana Rocha
produção: Teatro do Bairro Alto

Este teatro tem esta newsletter
Fechar Pesquisa